Blog

Blog

Êxito na Vida Êxito na Profissão 1|4

As Leis Sistêmicas de êxito e fracasso, da felicidade e infelicidade e do amor e da vida estão presentes, tanto na vida pessoal como na profissional. Não há separação! São interdependentes!

O nascimento

O primeiro e grande êxito da vida foi o nosso nascimento. Pela primeira vez, tivemos que demonstrar nossa capacidade de nos impor.

Bert Hellinger nos coloca a seguinte reflexão: O nosso êxito posterior depende realmente de nosso primeiro êxito?

O modo como nascemos define nossa forma de nos impor ao mundo?

Vale lembrar que tudo e como vivemos nos trouxe até o aqui e agora, com todas as fortalezas, fraquezas, crenças e valores. Seja pelo âmbito familiar, religioso e cultural; tudo isso envolto pelo grande pensamento coletivo que nos impacta de forma consciente ou inconsciente.

Portanto, a forma como nascemos faz parte de quem somos hoje.

Hierarquia

Qual o seu lugar?

Assim como no sistema familiar temos um lugar, na organização você também possui um lugar.

A hierarquia no sistema familiar é por ordem de entrada no sistema, quem nasceu antes tem precedência de quem veio depois, isso inclui os nascidos e não nascidos, agregados, como também os esquecidos ou excluídos.

Na organização há dois tipos de hierarquia:

Hierarquia funcional – do cargo mais simples ao maior cargo da organização e a hierarquia do tempo na organização. Quem tem mais tempo, tem mais histórias para contar, diferente de quem acabou de ingressar. Uma não anula a outra. São complementares.

Um lugar faz sentido se é um ao lado de muitos.

Ocupamos nosso lugar com muitos outros ao nosso lado.

Por si só ninguém tem um lugar.

Reflexão

Que lugar você ocupa na família? Pense em sua árvore genealógica para identificar o seu lugar.

E no trabalho? Qual sua posição no organograma da organização.

Seus pensamentos e ações impactam diretamente o seu sistema familiar como na organização que trabalha.

O que é semelhante, O que é diferente, em relação a família com o

trabalho?

Pensamento

“Como dizer isto para que me entendam corretamente?

Nunca pretendi magoar os meus pais, mas a necessidade de ser fiel a mim mesma e o meu senso de dever para com eles travavam uma batalha. Decidi seguir meu coração. Perseverança! É preciso persistir no que se faz”.

Ana Rós – Eslovena _ Chef de Cozinha

Continua na próxima semana.

Destaques
Arquivo
Siga-me
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

Bob Clemps

bobclemps@bobclemps.com.br

WhatsApp (11) 9.9909.3801

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

design by gustha.com